Não há produtos que correspondam à seleção.

Piso Vinílico

Pisos vinílicos são geralmente desenvolvidos para fins específicos trazendo características incomparáveis por conseguir agrupar atributos como: Acústica, função térmica, estática, anti-chamas, resistência à abrasão, flexíveis, alto tráfego, antiderrapantes, resistência a produtos químicos e assepsia que é necessária em áreas como cozinhas, clinicas, consultórios e hospitais. Também em demais áreas comerciais e residenciais.

Piso Vinílico
Piso Vinílico Autoportante

Piso Vinílico Autoportante

Temos Pisos vinílicos autoportantes para colocar sobre pisos elevados ou leva-los de um lado para o outro. Pisos em manta ou rolo para áreas que necessitem subir no rodapé ou formar o rodapé com o próprio piso vinílico em manta ou em rolo a exemplo da norma RDC50 da ANVISA que regulamenta o uso deste tipo de pisos vinílicos em áreas de com risco de contaminação que precisam de uma frequência e facilidade de manutenção.

Piso Vinílico em Placa ou Régua

Pisos vinílicos em placas heterogêneas ou homogêneas para uso em escritórios, centros cirúrgicos ou áreas comerciais. Exibindo sempre padrões variados de cores tipo Madeira, Pedra, Liso ou mosaicos. Pisos vinílicos em réguas lisas ou no padrão madeira, colados ou clicados são uma ótima opção para garantir conforto, beleza, alta resistência e facilidade de manutenção, pisos vinílicos poderão ser homogêneos ou heterogêneos consulte opção de pisos Tarkett Fademac nas linhas: Pavifloor, Paviflex, Traffic, Omnisport, Ambienta, Decorflex, Absolute e Infinity ou Beaulieu do Brasil Sêneca, XL Plus, Classic, Newport, Newtown, Castlla, Rocky, Hercules, Kilt, Postile, XL PU, Pearlazzo PUR, Finesse condutivo.

Piso Vinílico em Placa ou Régua
FAQ Piso Hospitalar RJ | Afrel Pisos e Carpetes
Sim, desde que seja aplicado Primer de sobreposição antes da massa de preparação da base. Procedimento rápido, sem cheiro e baixo custo.
Os principais tipos de Pisos Vinílicos em Placas, são: 1 – Piso Vinílico Homogêneo tipo o tradicional Paviflex (Semi-Flexível); 2 – Piso Vinílico Homogêneo tipo Pavifloor (Flexível); 3 – Piso Vinílico LVT em Placa.
Ambos possuem a mesma indicação de uso, muda somente o formato do piso.
São muitas vantagens no Piso Vinílico, mas a praticidade para manter ou trocar é sem igual. Apenas um pano úmido para manter belo um revestimento confortável e seguro no dia a dia.
É muito mais fácil repor ou remanejar o Carpete em Placas, na primeira instalação é necessário ter uma boa base para receber o adesivo e realizar a marcação do esquadro da área, fora isso é bem tranquilo seguindo a marcação das setas com sentido do fio (Usar EPI`s).
O taco ou qualquer outra base em madeira está sujeita à cupins, dilatações, apodrecimento e demais transformações que fibras naturais permitam surgir. Instalação de Pisos Vinílicos sempre terão como exigência para cumprimento de garantias bases que estejam limpas, firmes, secas e niveladas. Bases permitidas: Contra-piso grosso, Cimento queimado, Cerâmica, Granito, Porcelanato ou Piso elevado. Obs.: Cada tipo de base pode exigir preparação específica, bem simples de fazer para aplicadores qualificados. Bases não permitidas: Madeira, Ardósia, bases não firmes ou bases úmidas.
Carpetes com fio tipo pêlo cortado ou aparado, espessuras mais elevadas conferem maior conforto. Normalmente os carpetes em Nylon.
Se for para reposição é muito simples desde que seja Carpete em Placa na mesma dimensão, normalmente o adesivo está ativo (Ainda com Tac), se não estiver com Tac será necessário aplicar novamente e observar o tempo de cura antes de colar a nova placa.
Carpete em rolo produzido com fio 100% nylon é mais resistentes quando comparado aos demais fios, exceto o carpete Berber Point 920 feito em 100% polipropileno que deixa a desejar no toque, mas por sua elevada densidade compensa no tráfego.